TETINE

Tuesday, 11 August 2020

UMA MULHER NÃO PODE VACILAR - COMUNICADO

  

COMUNICADO

 

UMA MULHER NÃO PODE VACILAR

 

Violados somos nós, todos os dias tendo que lidar, por todo e qualquer lado que você esteja com o moralismo corporativista do capitalismo global-mundial que suporta toda e qualquer violência (e portanto toda plataforma existencial), mas viola SEMPRE a MULHER! Aonde os meus peitos e meu corpo te violam??  Você é permitido ver todos os tipos de violência possíveis todos os dias, hora, minuto e segundo (incluindo as de sempre com mulheres) - mas com um peito e um parto não se brinca.  Ser ‘artista’ hoje, em condições mais que precárias, e em meio a esse moralismo estúpido que impera em toda e qualquer espaço-tempo virtual, existencial – não é para iniciantes.  

 

Veja bem, nosso filme “The Ether – Preludio No. 1” foi retirado do canal do Pink Umbrellas Art Residency no Youtube por VIOLAR Youtube’s terms & services. O filme participa de um projeto coletivo de residência (e resistência) artística. Um projeto bonito, necessário, sem amarras com grandes instituições, museus e etc... orquestrado e nutrido carinhosa e independentemente por Mirella Brandi & Mueptemo. 

 

Todos os vídeos produzidos pelos artistas convidados são armazenados no canal de Youtube do Pink Umbrellas, e toda segunda-feira acontece a estréia de um trabalho inédito, envolvendo a colaboração de dois artistas. Pois então, ontem foi o dia da estréia do nosso filme ‘The Ether’- Prelude No.1 (um momento esperado como uma performance com hora marcada, um público que acompanha e etc). O filme é uma meditação reflexiva sônico-afásica (des) rítmica de 22 minutos e meio na forma de um prelúdio para violoncelo, dança, ar, vento, corpo e respiração em 7 movimentos lentos, distintos e complementares. Enquanto o filme estava sendo exibido  pela primeira vez em real time, ao chegar nos 12 minutos, ele foi interrompido bruscamente pelo Youtube. A primeira coisa que pensamos foi que nossa conexão não estava rolando e depois que não tínhamos enviado o arquivo certo. Ou era um problema técnico na plataforma ... Literalmente cortaram assim no meio da exibição, sendo que os dois últimos movimentos (6, 7) não tinham sido exibidos ainda. Enfim, na hora os curadores do Pink Umbrellas também não entenderam, e então todos chegamos a conclusão de que tinha sido um problema técnico na plataforma. Algumas horas depois, o 'problema' foi resolvido, e o Pink Umbrellas subiu o filme de novo, e reprogramou uma nova estréia para hoje a tarde dia 11 de Agosto as 5 horas, horário do Brasil. 

 

Hoje de manhã, eis que vamos anunciar o novo link – e então nos deparamos com o fatídico (YOUR VIDEO HAS BEEN REMOVED FOR VIOLATING YOUTUBE’S TERMS).

 

Como diria a canção: “Uma mulher não pode vacilar”.  Mais uma vez fomos censurados pelo mesmo problema, tal qual na época em que fizemos "Todas As Mulheres do Mundo" com o também independente e resistente Museu Do Louvre Pau Brazyl no centro de São Paulo. O PROBLEMA SE CHAMA MULHER. E UMA MULHER NÃO PODE VACILAR, NUNCA.

 

O filme será exibido hoje as 5 horas do Brasil novamente, porem para maiores de 18 anos. Caso isso não aconteça, disponibilizaremos o filme completo pelo VIMEO – e não junto com todos os outros artistas e trabalhos criados especialmente para o Pink Umbrellas Art Residency.  Quem tiver interesse é só assistir no nosso ‘canal’ – o filme estará disponível durante toda essa semana sem cortes.

 

TETINE (Bruno Verner, Eliete Mejorado e Yoko Afi)


London, 11 de Agosto de 2020.








Labels: , , , , , , ,

1 Comments:

Blogger Rubs troll said...

Youtube, guerreiros do corporativismo hipócrita.

11 August 2020 at 11:50  

Post a comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home